hiperCorreio   

Debate dx-brasil

     
[Anterior] [Próxima] [Responder] [Sem Formatação] [Outros Debates] [Ver Listagem]
Resposta de um brasileiro para brasileiros
Remetente: PR7FN  -Fernando  <pr7fn@bol.com.br>
Data  de  Envio: 2003-01-03  08:38:18.000
Olá Orlando ! Eu não acredito que a LABRE-PB possa fazer algo , porque faço parte da LABRE há algum tempo e sou um dos poucos no Brasil que vejo as coisas realmente como elas são ,apenas tento forçar a barra para muda-las  porque já as experimentei e sei como funciona ,nas minhas pesquisas pscológicas tento gerar assunto para encontrar o apoio em massa . Veja essa pergunta que gostaria de uma resposta sincera de prontificaçào para ajudar  :
 
Voces Gostariam de não ter mais segmento de faixa para operar ?  
 
Voces gostariam de ver o sistema de fiscalizaçào no Brasil funcionando ?
 
Quem se prontificaria a fazer gravações de conversas clandestinas em nossas faixas para enviar a LABRE-Central  ou a ANATEL ?
 
 
  Esses clandestinos com nome de metralhas ,são a escória da sociedade comunicativa mundial ,e são brasileiros , são daí da sua região ,do interior paulista .  Esse tipo de trabalho de gravações , já fiz anteriormente na gestão de Renato Guerreiro , recebi uma visita do Gerente da ANATEL -PB na minha casa ,mostrei como funciona as operações clandestinas no Brasil , e ele falou que sozinho eu não podia fazer nada ,a reclamaçào tinha que vir da LABRE -Central .  Foi iniciado as reuniões com a ajuda de Atilano-PY5EG , em sua visita a Brasilia que levou fatos até a ANATEL. As reuniões seguiram com a participação da LABRE-Central ,que se prontificouu a colaborar com o trabalho  educativo apoiando nas operações a nivél de Brasil ,só que Renato Guerreiro se demitiu , e as operações que seriam realizadas foi junto com ele  .ASeria um trabalho conjunto ANATEL ,Policia Rodoviária Federal , Policia Federal e LABRE  ,ano passado seria realizado segundo funcionários da ANATEL em documentos enviados . Na época Eu enviei 3 ( tres fitas ) que foram entregues em Brasilia , na LABRE-Central , .  Lembrando que existe coisas que não é problema meu ,  só  nunca me neguei a ajudar ,desde que em grupo, em equipe  , enquanto o brasileiro tentar ensinar como se faz sem participar , nunca conseguiremos vencer os clandestinos , há necessidade de juntar forças dentro dos poderes que regem o país ,  para isso a LABRE , tem que encabeçar por que é uma entidade júridica , e radioamdor é  física . Temos que acabar com essa de voce  , porque nada poderá ser feito  feito enquanto não existir a palavra "nós " . Gostaria que voce e colegas de São Paulo tentasse descobrir de qual a cidade de São Paulo os  "metralhas " operam   ,eles usam lineares poderosos ,descobrir nomes e endereços , esse trabalho tem que ser feito em conjunto ,eu já avisei que eles estão em 28.400 mhz , que são de São Paulo ,a hora em que atacaram a faixa agora falta os radioamadores paulistas os indentificarem e colocar a entidade para trabalhar ! E se alguém escutar alguém em   Campina Grande -PB interferindo me informe ,porque não me negarei a ir até 5 metros de distância casa do individuo e anotar endereços , na minha cidade eu garanto fazer o trabalho em minha casa mando eu  ,mas quem vai fazer esse trabalho em mais de 9000 cidades do Brasil ? Terão que ser voces , é por isso que tem que existir a palavra " nós "  . Feito o apanhado entrega a LABRE -Central que com todo o material em mãos faz a " denuncia-queixa -conjunta " . Obrigando a ANATEL  fazer a fiscalização ,lacres e autuações em todo o país  .É muito fácil é só querer . Uma gravação para a ANATEL -PB não resolve pois o problema nem em Campina grande  é ,nem ameniza ,tem que atingir o coração . 
 
                          "  Lembrando que uma andorinha só não move moinho e um carro sem motor não sobe uma ladeira sem ser empurrado ou puxado "
 
73 de PR7FN Fernando
-----Mensagem original-----
De: Orlando, PY2ANE <py2ane@uol.com.br>
Para: araucaria@inepar.com.br <araucaria@inepar.com.br>
Data: Quinta-feira, 2 de Janeiro de 2003 10:17
Assunto: (Araucaria) Re: (Araucaria) Invasão em 10 metros por clandestinos

Fernando, faça gravações desse QRM e mande junto com uma reclamação para a Delegacia da ANATEL de sua região.
Sem dúvida a LABRE pode ajudá-lo, acompanhando e cobrando providências junto à ANATEL.
Desejo-lhe sucesso!
73 de PY2ANE, Orlando
 
----- Original Message -----
From: PR7FN -Fernando
To: araucaria@inepar.com.br ; gdxg@grupos.com.br
Sent: Wednesday, January 01, 2003 11:07 PM
Subject: (Araucaria) Invasão em 10 metros por clandestinos

    Três clandestinos com SLOGAN de Irmãos Metralhas iniciaram investidas na banda de 10 metros , hoje 01/01/2003  , em 28.400 mhz ,informam que estão se mudando para a banda e irão expulsar todos os radioamadores da faixa , das 19:00 de hoje até ás 21:00 hs ,estiveram por lá atrapalhando os radioamadores .
         Será que não existe entidade para resolver esse problema ?
         Será que se a entidade que nos representa mandasse um documentário sobre esses assuntos ( clandestinidade ) e entregasse ao novo Ministro da Comunicações ,não surtisse algum resultado ?
          Alguém tem que pagar por esse descaso e espero que não seja eu  . Será que alguém já tentou representar contra alguém ? 
             Quem sabe se o novo Presidente da Republica ao tomar conhecimento de fatos ,que suja o nome do Brasil lá fora  por desorganização de entidades brasileiras  no que se refere clandestinidade em frequencias de radioamadores , possa fazer algo ,  colocando  alguns orgãos que não funciona para funcionar    . Alguém conhece algum Deputado Federal ,Senador ou Ministro dessa nova gestão que é radioamador ? Se souberem enviem para  a LABRE  , porque a entidade que nos representa tem que fazer algo ,cobrar , exigir que se tome uma atitude , afinal somos ou não somos mais de 60.000 radioamadores em todo BRASIL  . Em reunião anual do Conselho Diretivo das ex-Federações Estaduais ,em novembro aqui na Paraíba ,surgiu um assunto com relação a montagem de uma Rede de Monitoramento de Frequencia feita por Radioamadores , quiseram me indicar como o responsável aqui na Paraíba , não aceitei , por que a minha forma de trabalho é a seguinte : Quando  a entidade recebe o material , e não tenta resolver o problema ,ou não consegue resolver , ela tem que sofrer sanções  ,por danos e já cansei de enviar emails e materiais comprovatórios para orgãos e entidades  ,  e acho que muita gente pensa que o radioamadorismo é uma forma de diversão . Estou iniciando o ano e apartir  de agora faço parte do Conselho da LABRE-PB  e vou começar tirando alguns coelhos da cartola , vou tentar arranjar serviço para muita gente e também bastante confusão .
 
          " Companheiros  conselheiros e diretores Labreanos  enxuguem as mãos porque  eu quero ver muitos calos " 
 
73 de PR7FN Fernando

[Anterior] [Próxima] [Responder] [Início da Mensagem]